31 julho, 2010

Fechado

Vamos de férias.
O estaminé fica fechado,
Mas um dia destes escrevo.
Beijinhos.

30 julho, 2010

Feio












Não se esqueçam:
Aproveitem a vida...

Preparada

Estou completamente preparada para o meu último dia de trabalho,
Antes de três semanas de férias.
Há muito tempo que não me acontecia estar tão desejosa,
De tal forma, que acordei a pensar que era Sábado e que podia desligar o despertador...

28 julho, 2010

Biquini

Renovei o meu equipamento completo de mergulho,
Para facilitar as braçadas
Na próxima semana!

26 julho, 2010

Grua

E hoje quando o despertador tocou pensei:
Tragam-me uma grua,
A AMI,
Ou o Corpo de Intervenção.
Dado que estava verdadeiramente colada ao colchão!

23 julho, 2010

Treinos

No último fim-de-semana antes das férias,
Estamos em treinos e
O passeio continua...

21 julho, 2010

Passagens

É óptima a sensação de já ter as passagens de avião cá em casa!!!

19 julho, 2010

Parlamentos

Bate-boca no Parlamento inglês. Aconteceu num dos discursos de Churchill quando uma deputada da oposição, Lady Astor, pediu um aparte.
Todos sabiam que Churchill não gostava que interrompessem os seus discursos, mas este concedeu a palavra à deputada.
E ela disse, em alto e bom som:
- Sr. Ministro, se V. Exa. fosse meu marido, colocava veneno no seu chá!
Churchill, lentamente, tirou os óculos, e com o seu olhar astuto percorreu toda a plateia e, naquele silêncio em que todos aguardavam, respondeu:
- Nancy, se eu fosse seu marido, tomaria esse chá com todo o prazer!

18 julho, 2010

Confortáveis

E mesmo aparentemente ainda magra e normal,
Eis que muita roupa já teima em apertar,
Ou mesmo em não servir...
Mas há lojas simpáticas que nos permitem voltar a sentir
Confortáveis.

16 julho, 2010

Duas

Daqui a duas semanas entramos de férias,
E para estagiar,
Este fim-de-semana
É só passear...

15 julho, 2010

Pequeno

Adoro o pequeno-almoço,
É a refeição de que mais gosto
E às vezes já acordo a pensar nisso...

14 julho, 2010

Miss

Einstein recebeu uma carta da miss New Orleans que lhe dizia:
" Prof. Einstein, gostaria de ter um filho seu... A minha justificatificação baseia-se no facto de eu ser um modelo de beleza e, tendo um filho com o senhor, certamente que o garoto teria a minha beleza e a sua inteligência".

Einstein respondeu:
" Querida miss New Orleans, o meu receio é que o nosso filho tenha a sua inteligência e a minha beleza.

13 julho, 2010

Socialista


Um professor de economia da universidade Texas Tech disse que raramente chumbava um aluno, mas tinha, uma vez, chumbado uma turma inteira. Esta turma em particular tinha insistido que o socialismo realmente funcionava: ninguém seria pobre e ninguém seria rico, tudo seria igualitário e "justo".

O professor então disse, "Ok, vamos fazer uma experiência socialista nesta classe. Ao invés de dinheiro, usaremos as vossas notas dos exames." Todas as notas seriam concedidas com base na média da turma e, portanto seriam "justas". Isto quis dizer que todos receberiam as mesmas notas e que dificilmente alguém chumbaria. Isso também quis dizer, claro, que ninguém receberia 20 valores...

Logo que a média dos primeiros exames foi calculada, todos receberam 12 valores. Quem estudou com dedicação ficou indignado, pois achou que merecia mais, mas os alunos que não se esforçaram ficaram muito felizes com o resultado!

Quando o segundo teste foi aplicado, os preguiçosos estudaram ainda menos - eles esperavam tirar notas boas de qualquer forma. Aqueles que tinham estudado bastante no início resolveram que também eles se deviam aproveitar da media das notas. Portanto, agindo contra os seus principios, eles copiaram os hábitos dos preguiçosos. O resultado, a segunda média dos testes foi 10. Ninguém gostou.

Depois do terceiro teste, a média geral foi um 5. As notas nunca mais voltaram a patamares mais altos, mas as desavenças entre os alunos, procura de culpados e palavrões passaram a fazer parte da atmosfera das aulas daquela turma. A busca por 'justiça' dos alunos tinha sido a principal causa das reclamações, inimizades e senso de injustiça que passaram a fazer parte daquela turma.

No fim de contas, ninguém queria mais estudar para beneficiar os outros. Portanto, todos os alunos chumbaram... Para sua total surpresa.

O professor explicou que a experiência socialista tinha falhado porque ela era baseada no menor esforço possível da parte de seus participantes. Preguiça e mágoas foi o seu resultado. Sempre haveria fracasso na situação a partir da qual a experiência tinha começado. "Quando a recompensa é grande", disse, o professor, "o esforço pelo sucesso é grande, pelo menos para alguns de nós. Mas quando o governo elimina todas as recompensas ao tirar coisas dos outros sem o seu consentimento para dar a outros que não lutaram por elas, então o fracasso é inevitável."

O pensamento abaixo foi escrito em 1931.

"É impossível levar o pobre à prosperidade através de leis que punem os ricos pela sua prosperidade. Por cada pessoa que recebe sem trabalhar, outra pessoa tem de trabalhar recebendo menos. O governo só pode dar a alguém aquilo que tira de outro alguém. Quando metade da população descobre de que não precisa de trabalhar, pois a outra metade da população irá sustentá-la, e quando esta outra metade entende que não vale mais a pena trabalhar para sustentar a primeira metade, então chegamos ao começo do fim de uma nação. É impossível multiplicar riqueza dividindo-a."

Adrian Rogers, 1931

12 julho, 2010

Binóculos

A três semanas das férias
E em plena contagem decrescente.
Desejosa...

09 julho, 2010

Agenda

Neste fim de semana a agenda está completamente cheia,
Amanhã temos duas festas de anos numa só,
Domingo começo o dia no aeroporto em serviço, bem cedo,
Depois é o Baptizado do João
E à tarde um aguardado lanche...
Vamos a isso.

07 julho, 2010

04 julho, 2010

Encarnado

A tarde foi de festa brava,
O Colete Encarnado, em Vila Franca,
Com mais uma actuação do rancho.
Agora que não danço,
Estreei-me na apresentação.

Churrasco

O Sábado foi de churrasco no Meco,
Com os pais e os tios a estragarem-nos com mimos.

01 julho, 2010

Apaguei

Apaguei três comentários sem querer,
Com o objectivo de os aceitar,
Desculpem!